Graça Guardia

Textos


SÊ TU QUEM AMA!
 
Procuras um caminho
Cujo significado
Transporte montanhas ao trilhá-lo?
Sê tu quem ama!
 
Queixas-te da solidão
Que desertifica teu sentir?
Enxerga a completude de teu ser e
Sê tu quem ama!
 
Sorves o cálice amargo das tristezas
Procurando alhures um amigo?
Mergulha dentro de ti e aprecia-o pois
Também o dulçor da alegria
Sorverás no silêncio de teu ser.
Sê tu quem ama!
 
Buscas o saber?
Procura compreender a identidade:
Da pedra que pisas nas estrelas que admiras;
Da abelha que recolhe da flor
A gratidão por seu amor;
Da concha que a onda lapida
E conta pro mar seus sonhos de nadar...
Partilha a beleza da unidade e
Sê tu quem ama!
 
Fostes chamado?  Escolhe-te!
Aprende, trabalha e confia!
Brilha com a luz do sol,
Canta com a voz da cachoeira,
Voa ao sabor do vento,
Desnuda-te para a vida,
Mergulha no mar e
Sê tu quem ama!
 
O amor só constrói,
Não machuca, eleva,
Não castiga, perdoa,
Não mata, vivifica,
Não desaparece, vive pleno
Na paz do bem querer.
Sê tu quem ama!
 
 
Graça Guardia
Pelo Espírito Francisco (04.09.2006)
Graça Guardia
Enviado por Graça Guardia em 24/12/2015
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras